Nenhum comentário

CONHEÇA AS TENDÊNCIAS DE 2018 PARA DECORAÇÃO, ARQUITETURA E PAISAGISMO

Você já imagina quais serão as grandes tendências de decoração para 2018? A ideia de prever o futuro é irresistível, não é mesmo? Mas uma ajudinha nessa brincadeira é sempre bem-vinda. Por isso, conversamos com alguns profissonais e também avaliamos dados de redes sociais para tentar descobrir o que vai invadir nossas casas no ano que vem.

PALAVRA DE ESPECIALISTA
Para a Natasha Frota, do Garimpório, a grande tendência é transformar o lar em um espaço de reconexão e equilíbrio. Para isso a natureza é o grande ponto de partida. “A necessidade de ter plantas em casa continua mais forte do que nunca! Mas também acho que agora a natureza vem por meio de outros objetos e elementos”, explica.

O arquiteto Leo Romano também acredita que 2018 é o ano dos elementos naturais – sejam eles peças feitas à mão ou plantas. “Acredito na maior valorização de objetos e móveis artesanais, mostrando o processo de execução e a presença da mão do homem. Além disso, acredito que as plantas se farão mais presentes”, explica.

Não muito diferente, o designer de interiores Luiz Otávio Debeus aposta em estampas de folhagens. “Acredito que haverá uma diversificação dos desenhos: folhas e mais folhas!”, comenta. Para Natasha, a reconexão com a essência por meio dos elementos naturais tem uma razão: “Nós, nesse mundo tech veloz, precisamos nos conectar com o natural para equilibrar as coisas”, explica. “Tudo o que nos remeta aos hábitos saudáveis será bem-vindo!”, finaliza Leo.

A busca por refúgios aconchegantes também ganha espaço no mundo das cores. A Sherwin-Williams selecionou como tendência para 2018 as paletas SincerityAffinity e Connectivity (Sinceridade, Afinidade e Conectividade, em português), detalhadas aqui. Chamamos atenção para a Sincerity que explora as cores claras como o cinza rosado, tom indicado pelo arquiteto Diego Revollo como aposta para o ano que vem.

Além dele, Diego também listou, em sua coluna de outubro, a busca pelo neutro, ambientes com formas suaves, abundância de luz natural e decoração menos perfeccionista como tendências de arquitetura para 2018.

DADOS E MAIS DADOS…
Já que vivemos salvando pins e mais pins em decorações no Pinterest, nada mais justo do que eleger o que têm feito sucesso por lá também, não é mesmo? De acordo com os números divulgados pela rede social, em 2017 houve um aumento de (pasmem!) 75% de pins relacionados ao lar e decoração. Levando isso em consideração, podemos avaliar as imagens mais pinadas como tendência para 2018, não acha?

Paredes
As paredes “cruas” estão oficialmente fora de moda! Para o próximo ano, aposte em quadrosilustrações e o que mais a imaginação permitir (e não tenha medo de abusar no tamanho!). Em 2017, a procura por pins de wall art (arte na parede, em tradução literal) aumentou 637%.

Plantas
No geral as plantas fizeram um baita sucesso este ano. E como os especialistas comentaram anteriormente, prometem fazer ainda mais em 2018. Segundo os números do Pinterest, as plantas dentro de casa tiveram um aumento de 533% de procura e prometem aparecer com folhagens vibrantes e cores diferentes.

Mix de metalizados
Esqueça aquela história de que a regra é usar só dourado, só prata ou só rosé. A onda é misturar os tons e brilhar muitos. A procura pela combinação aumentou cerca de 420%.

Marmorite é o novo mármore
O revestimento que fez o maior sucesso nos anos 1970 promete voltar. A procura por pins para o piso aumentou 316% este ano.
Para Debeus, não só o Marmorite terá seu momento de volta, mas, também, o estilo Memphis em objetos e móveis. “Os estilos dos anos 1970 e 1980 serão o novo vintage em 2018”, ele justifica.

Tetos diferentões
Prepare-se para prestar mais atenção nos tetos que terão tintas de cores diferentes, papéis de parede e até texturas. Estes pins tiveram um crescimento de 310% em 2017.

Banheiros de spa
Apesar de nem todos terem o privilégio de poder dar uma escapadinha para curtir um dia de spa, segundo o Pinterest, transformar o banheiro de casa em refúgio relaxante está nos planos de muita gente para 2018. Pins e procuras para o termo aumentaram aproximadamente 270% este ano.

Comments (0)